Parceria entre empreendedores e investidores para a criação empresas startup, alternativa aos jovens profissionais em busca de espaço no mercado de trabalho.

Inovação e apoio

Por Mônica Pileggi (Agência FAPESP ).

Trabalhar em um ambiente cheio de incertezas, em que as chances de dar certo são tão grandes quanto as de dar errado, é uma alternativa a estudantes ou recém-formados em busca de espaço no mercado de trabalho.

São as startups, empresas em fase inicial que buscam modelos de negócios que possam se mostrar produtivos e lucrativos. O assunto foi tema da primeira edição do Campinas Tech Meetup, encontro realizado no dia 7 de julho na Faculdade de Engenharia Elétrica e de Computação da Universidade Estadual de Campinas (FEEC-Unicamp).

O evento, organizado pela Innoveur e pela FM2S Aceleração de Start-ups, teve como objetivo reunir empreendedores e investidores com o objetivo de estimular a criação de novas startups.

No encontro, conhecido no meio corporativo como meetup, estiveram presentes – entre estudantes e ex-alunos da Unicamp – novos empreendedores e investidores em busca de ideias inovadoras.

De acordo com o professor Roberto de Alencar Lotufo, do Departamento de Engenharia da Computação e Automação Industrial e diretor executivo da Inova, a Agência de Inovação da Unicamp, a iniciativa de trazer o modelo de meetup do Vale do Silício, nos Estados Unidos, surgiu da ex-aluna da universidade e fundadora da Innoveur, Ana Carolina Merighe.

A proposta desse tipo de encontro é criar um ambiente informal para facilitar a networking (rede de contatos) e a aquisição de sócios investidores pelos jovens empreendedores. “Iniciativas como essa servem para que a nova geração de profissionais desenvolva sua veia empreendedora”, disse Lotufo à Agência FAPESP.

Programado para ser realizado na FEEC-Unicamp a cada dois meses, em cada edição com um tema específico, o Campinas Tech Meetup se divide em duas partes. A primeira é dedicada a palestras sobre empreendedorismo em startups.

Na segunda parte são realizados os pitches, termo utilizado para as apresentações curtas (de cerca de 3 minutos) de negócios feitas pelos novos empreendedores aos investidores “anjos” – empresários com experiência em startups, ampla rede de contatos e capacidade de investimentos em empresas nascentes inovadoras.

Embora o público do encontro seja composto por estudantes e ex-alunos da área de engenharia e computação, Lotufo explicou que esse tipo de empreendimento não é exclusividade do universo digital, onde são comuns. Os setores atendidos pelas startups vão do agronegócio ao financeiro, da biotecnologia à pesquisa em diversas áreas.

Mais informações: www.meetup.com/CampinasTech-Meetup

Anúncios

Sobre PROINNOVARE

A PRO INNOVARE é uma empresa de consultoria e assessoria empresarial com técnicas, ferramentas, metodologia, modelos e capacidade para propiciar o desenvolvimento de instituições empreendedoras com a geração de resultados por meio da inovação. Refletimos de forma crítica e criativa, através de pesquisas e atividades práticas sobre o processo de inovação dentro das empresas. Nossas áreas de atuação estão associadas ao campo temático da inovação, direcionada ao segmento de serviços. Instituições baseadas em conhecimento, sistemas empresariais e institucionais de inovação e aprendizado, inovação em instituições educacionais e outros segmentos de serviços.

Publicado em 19/07/2011, em Inovação em Serviços Educacionais, Uncategorized. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: